terça-feira, 29 de junho de 2010

Sem perspectiva.


Querido diário venho dizer que não tenho novidades. Somente uns acréscimos pelo que passo.

Continua tudo a mesma, kraca cada dia que passa me sinto uma ameba...nao consigo emprego, procuro...procuro...e qdo vou a entrevista, passa uma entrevista coletiva - que merda -; prova escrita, redação, portugues, geografia, informatica, matematica, raciocinio logico, e fora que quem passar por estas fases com nota 7, vai fazer outra com a psicologa, depois a última com a superintendente do setor. TUDO ISSO por R$ 3.600,00, cara será que precisa desta porra toda? Caralho manda logo pra CESPE-UNB fazer um concurso público. Que loucura.  Ah, não passei! Merda.

Gente, eu juro to tentando melhorar, estudar mais (nem tanto), procurando oportunidades de emprego, mais tá foda. O que adiantam dizer que te admiram pelo conhecimento profissional e técnico, e nao te contratarem?!

Passado esta tortura, tenho que voltar ao trabalho de sempre. Falando ninguém acredita, mas tem noção que ele veio me procurar como se nada tivesse acontecido?! Falei que isso? tá doido...nem conversa e quer mole. Ele ainda veio falar que o problema sou EU. Puta merda...Que me falta faz a indenpendencia financeira..pra mandar ele a PQP. Gente, sério...q merda.

No momento to sem forças para responder as reações, to sem força psicologicas para muitas coisas.

Outra, tô correndo de evento familiar, to cansada de gente me pertubando...e ai kd o marido? Eu digo tá em casa. Ai vem outra..e o bb? eu falo...deixa isso pra lá...gosto muito de sair, deixa que no momento acontece. MAL sabem a merda de casamento que eu estou vivendo.
As vezes, vejo que a culpada disso td sou eu. Qdo da primeira vez ele espionou meus e-mails, minha conta, minhas coisas...era pra eu ter acabo com isso tudo. Mas nao deixei passar e estamos aqui 5 anos de merda.

Outra coisa, como uma pessoa consegue viver devendo os outros. Caralho...agora aloprei geral...mando todo mnundo ligar pra ele e a hora que irão encontra-lo. Nao tem noção do perigo, tem gente que morre por causa de 10 reais, imagina por mais. Oh Céus, cuida-de mim.

Ah não tenho MSN, pois tenho muito medo de ele rastrear. Aqui pelo menos tenho outros argumentos.
Mas msn é muito arriscado, quem quiser conversar me mande e-mail que tenho o maior prazer de responder SEMPRE.
E por fim, pra nao cansar mais ainda a extensa leitura, meu sumiço se deu pela ausência da internet aqui...ai tenho q usar outros "meios". Coisa feia..tão grande, fazendo isso..rs.rs.rs.

7 comentários:

Dama de Cinzas disse...

Temos momentos muito difíceis na nossa vida e só nós sabemos o inferno que passamos...

E quanto a perguntas de família, não suporto nem de família e nem de fora da família... Tem perguntas que não deveriam ser feita em nome do bom senso...

Beijocas

Desabafando disse...

Ah, não liga não pras perguntas e cobranças que os outros fazem, continue respondendo como vc quiser, vc não deve resposta nenhuma pra ninguém e espero que aos poucos tudo se ajeite por aí.

L@N disse...

Nossa amiga eu vejo seu texto e eu me vejo, op outro faz exatamente a mesma coisa, aquela cara de paisagem o santo da historia. E a familia então, Deus me livre.
Agora uma coisa q me chamou a atenção no seu post, foi o fato dele te bisbilhotar e tal, vc acredita q estes foi um dos fatores da nossa separação?
Vou contar com detalhes la no blog.

Beijim e muito muito boa sorte mesmo pra ti... Tenha fá vamu sair desta

L@N

Diana Carla disse...

não dê importancia aos outros..importe-se apenas com você..e não desista continue lutando!!!

bjinhus...

Bah disse...

Nossa, as coisas parecem que a cada dia pioram. Vc tá tão tensa nas palavras que isso tudo tá afetando já o seu cotidiano. Não merecemos viver nessa angústia o tempo todo. Claramente você não está feliz e acredito que o divórcio - mesmo vc dizendo que não tem independência financeira - é melhor do que continuar do jeito que vc tá. Se vc parar pra reparar nas suas palavras, vocês dois já perderam respeito um para o outro e a tendência, acredite, é piorar ainda mais conforme o tempo passe... Então, meu conselho é. Siga teu caminho, trilhe seu próprio caminho e viva as angústias como consequências dessas escolhas, mas não por ser obrigada a tal..

Kisu! e se cuida.

L@N disse...

Amiga querida, desculpe a demora em responder , to mega ocupada no trabalho, então qto ao texto é claro q vc pode pegar, no meu cantinho, vc pode entrar chutando a porta, hehehe.... qto a outra coisa q vc me pediu, te explico por e email como consegui ik? beijokas
um fim de semana iluminado pra ti

L@n

luly.bb disse...

nao ta nada facil neh?
menina,se esta dificil arrumar um emprego,e vc quer sair dessa situaçao toda,abra seu proprio negocio! tente,se der certo ai vc poderà chutar o balde!
Olha eu faz uns meses mandava roupas em croche e tricot pra Porto Alegre uma amiga montou um negocio e vendia tudo q eu fazia.Casoq uizer entreem contato comigo e se quizer trabalhar em outro setor,pense no q gostaria de fazer!e senaoq uzier atuar na area de vendas,entao...pense no q vc gostaria de fazers e estivesse ja sem ele! quem sabe assim surge alguma coisa.....espero q vc consiga ter um bom emprego e nao precise passar mais trabalho.
besos.